Inspirações da Arquitetura das Casas de Campo

Várias pessoas gostam muito do campo. De estar em contato com a natureza e de estar longe dos grandes, e por vezes caóticos, centros urbanos. Pensando nisso, trouxe algumas inspirações para quem gosta ou pretende construir ou viajar para perto do ar puro.

Dentre as inspirações, trouxe algumas mais clássicas e rústicas, e outras mais modernas. Se inspire!

Começando pelas construções mais rústicas, e mais tradicionais: Continuar lendo “Inspirações da Arquitetura das Casas de Campo”

Te ajudando a cumprir suas metas de início de ano se elas forem… Construir!

Um assunto muito típico no início de ano são as metas para o ano que acaba de começar. E para muitas pessoas, entre essas tão sonhadas metas, está a compra e construção de sua própria casa.

Apesar da oferta de casas estar muito escassa e os preços estarem cada vez maiores, essa ainda é a opção mais desejada por muitas pessoas. E para ajudar a inspirar aqueles que querem construir ou reformar, trouxe e contei aqui algumas ideias a partir de inspirações que encontrei no Pinterest que dá pra usar ou até adaptar para sua casa.

Iluminação ♥

Nessa primeira casa, eu achei a iluminação, pelo menos no exterior, muito boa e bem distribuída, o que contribui, com certeza pra valorização da casa. O uso de spots é uma solução simples para garantir uma boa claridade. Além disso, o uso de pedras numa coluna deu um charme todo especial quando combinada com a madeira das janelas, portas e as colunas do segundo andar.

0d1a08aa9b104a789623cb3510d2bf0e
Fonte | http://www.pinterest.com.br

 

Natureza ♥

Já essa casinha super meiga serve de inspiração em cada detalhe, não acham? Com certeza é um show a parte de todas as casas que eu trouxe aqui! O que acharam das plantas e das portas e janelas dessa madeira mais clarinha? Uma graça, não é? E pode ser combinada com móveis rústicos e simples.

 

5cd51e899cf920f61d0fe8ca67fc6475
Fonte| casavogue.globo.com

Cores ♥

E olhem a combinação de cores dessa próxima casa! Gosto bastante de tons terrosos para a pintura externa. Uma cor que eu gosto muito é o rosa num tom mais terroso. Ele fica super delicado. Além disso, gostei dos “frisos” nos detalhes, que aqui são feitos com gesso ou algo do gênero, mas que pode ser apenas um detalhe feito com tinta branca mesmo, acho que fica muito lindo!

810c8671db1b3975016b90f52f26d598
Fonte | decoracao.vocedeolhoemtudo.com.br

 

 Leveza ♥

E para terminar nossas inspirações de hoje, encontrei nessa casa uma leveza conseguida pela iluminação, pintura com cores claras e minimalismo. O que acharam?! A única coisa que eu acho que falta são cortinas, que deixariam o ambiente interno mais aconchegante, já que temos uma presença marcante dos vidros, um material mais frio.

da1e0ebbff6b320b1a278898d8428cae
Fonte| vainabagagem.blogspot.com

 

Bom, essas são as inspirações de hoje pra talvez te encorajar a seguir, definitivamente, seu sonho! Eu amei cada detalhe! E vocês? Gostaram das dicas? Deixem nos comentários o que acharam.

Um beijo,

Uma Apaixonada Por Arquitetura ❤

 

Já pensou em viver dentro de pedras? Venha ver essa realidade na vida de muitas pessoas!

Olá, meus amores! Como vocês estão? Hoje vou falar um pouquinho pra vocês sobre a arquitetura, mais focada na ocupação, de uma cidade única por ser tão atípica: Capadócia.

Fonte: Clube Turismo

Localizada na Turquia, essa cidade tem uma arquitetura chamada de vernacular, cuja principal característica é usar materiais e recursos típicos do próprio ambiente, gerando características tipicas do ambiente e da cultura da sociedade local. Isso está sendo um pouco mais modernizado, com casas construías com lajes, cimalhas e frises e placas de aquecimento solar.

Fonte: Lufthansa CC
capadocia-neve
Fonte: Viajar pelo mundo

Esse tipo de arquitetura só foi possibilitada pelo fato dessa região ter tido uma alta atividade vulcânica durante mais de 30 milhões de anos. Desse modo, as rochas foram formadas pela petrificação das cinzas vulcânicas que cobriram a região e depois pelo desgaste, formando uma pedra muito macia, a Tufa.

Fonte: DDM Travel
Fonte: ObviousMag.org

Esse povo, para ocupar o local, começaram a escavar as rochas locais em vales, encostas e formações rochosas causadas pela erosão, além de subterrâneos como forma de defesa para se esconder de eventuais invasões inimigas. Apesar de difícil ocupação, na paisagem dessa cidade podemos observar desde vedações sem grandes interferências nas rochas até obras em que ao esculpir grandes frontões houve uma grande mudança das originais paisagens.

Fonte: LogiTravel
Fonte: Vo Ali

Como curiosidade, que tal ver como é o interior de uma casa típica da Capadócia? Fotos de Sergio Bastos Arquitetura.

Eu fiquei encantada com esse lugar! E vocês?!

Agora, como contraste à simplicidade, podemos perceber um trabalho mais sofisticado nas pedras dos hotéis que seguem a mesma forma de arquitetar, a vernacular, usando materiais e recursos típicos do próprio ambiente.

Fonte: Sonia Bayma
Fonte: Sonia Bayma

 

Fonte: AfinalTurismo
Fonte: AfinalTurismo
Fonte: Tamimi.own0.com

O que acharam dessa atípica arquitetura? Com certeza é única, não é? Espero que tenham gostado!

Um beijo,

Uma apaixonada por arquitetura ❤

St. Peter’s Cathedral

E como estou amando essas catedrais, vou postar hoje sobre mais uma, ainda no estilo gótico! A Catedral de São Pedro, em Bremen.

Está situada na cidade de Bremen, sendo a catedral mais antiga da cidade, na Alemanha, perto do rio Weser.

Em 789, essa catedral era uma catedral de madeira, com vista para o Rio Weser, mas foi destruída em um incêndio que ocorreu devido ao ataque dos saxões não apenas à catedral, mas a toda a cidade de Bremen. 13 anos depois, a igreja foi reconstruída em virtude do Bispo Willerich, mas agora de pedra arenito por meio de várias etapas. Agora, esta consistia em uma nave central e duas laterais com um coro em cada extremidade do navio, ou seja, uma igreja tipicamente carolíngia. Porém, em 1041 essa igreja foi quase toda destruída com um incêndio que também destruiu grande parte da sua biblioteca.

dw.de

Em 789, essa catedral era uma catedral de madeira, com vista para o Rio Weser, mas foi destruída em um incêndio que ocorreu devido ao ataque dos saxões não apenas à catedral, mas a toda a cidade de Bremen. 13 anos depois, a igreja foi reconstruída em virtude do Bispo Willerich, mas agora de pedra arenito por meio de várias etapas. Agora, esta consistia em uma nave central e duas laterais com um coro em cada extremidade do navio, ou seja, uma igreja tipicamente carolíngia. Porém, em 1041 essa igreja foi quase toda destruída com um incêndio que também destruiu grande parte da sua biblioteca.

51466210

Em sua primeira reconstrução, seguiu o modelo de arcos romanos com pisos de madeira e telhado também de madeira, mas no episcopado de Gebhard II, a igreja foi remodelada agora no estilo gótico que estava se propagando em toda a Europa. Devido à escassez de pedra,  ela foi construída com tijolo cozido. A basílica de teto plano foi então mudada para abóbadas com nervuras entre 1497 e 1511. Entre 1888 e 1901 ela foi novamente restaurada, assim como entre 1972 e 1981.

Nessas diversas reformas, a igreja de estilo basílica foi transformada em uma igreja de estilo alemão “High Gothic” com uma nova nave norte. Várias capelas  também foram adicionadas.

Além disso, as torres foram elevadas apesar de terem sido deixadas com topo plano, e, elas com a parede frontal da fachada oeste foram misturadas e uma janela rosa foi adicionada.

bremer-dom-en-bremen-bremen-st-petri-dom-in-bremen-blick-vom-chor-zur-orgel_2e4b455fe3b405a3cb8eb42779be9f9f_1000_free

 

Possui, assim como a catedral de Notre-Dame de Paris, os arcos góticos que servem para sustentação, já que tem a propriedade de distribuir a força peso em dois eixos (x e y), fazendo com que seja possível sua elevação e melhor sustentação. Na imagem  pode-se ainda observar arcos romanos, além da parte dianteira ocidental da catedral que  reflete as origens românicas do edifício, que já estavam presentes antes da restauração nos padrões góticos.

Há também uma rosácea,  assim como diversos mosaicos, ou seja, a construção de imagens com partes, pedaços, cuja criação se iniciou com os árabes (usando azulejos) e aqui é encontrada em vitrais, conferindo-lhe transparência, luminosidade e cores.

waymarking.com

7351421-stained-glass-in-bremen-cathedral-bremer-dom-or-st-petri-dom-zu-bremen--it-illustrates-a-hand-of-hop

320759337_357feb097f_o

 

Já a abóbada confere à construção um maior vão livre, devido à sua formação por arcos góticos, maior sustentação, e além disso, projeta o espírito humano supostamente para mais perto do céu, algo, como já dito anteriormente, importante para o espírito de época, na sua reconstrução.

fotocommunity.de

Suas colunas são em parte quadradas, e as que são circulares tem um estilo coríntio, com o capitel mais ornamentado, porém sem as caneladuras e uma enorme altura.

mages.fotocommunity.de

 

Essa Catedral possui ainda duas torres gêmeas, ambas com 99 metros de altura, construídas acompanhando o principal portal de entrada, entre 1215 e 1253. Em 1346, as torres foram reforçadas e dotadas de topos piramidais de alturas desiguais. Na década de 1890, elas receberam espécies de capacetes que até hoje cobrem as torres, o que anteriormente era com topo achatado grosso. A torre de travessia possui o estilo original das torres frontais oeste com uma tampa piramidal.

catedral-bremen-gr

Há ainda as criptas, ou seja, construções subterrâneas localizadas na parte inferior da catedral, possuem porções das colunas e paredes da catedral original, e nela encontra-se quase 90 túmulos de bispos, arcebispos e outros notáveis.

Uma das múmias presentes nesse local que possui a reputação como um excelente lugar para preservar corpos dos mortos em forma surpreendente:

1024px-ST_Petri_Dom_basment_and_mummies_2

Nesse local também há um santuário para as relíquias. Ele foi feito de madeira esculpida em carvalho, e é coberta com dourado com prata. Essa obra é considerada um importante trabalho de ouro medieval.

Fontes

Wikipedia

catedraismedievais.blogspot.com.br

waymarking.com

bremen-tourism.de

dw.de

flickr

fotocommunity.de

Panoramio

vikingu.es

 

Catedral de Santa Sofia! Deslumbrante…

Bom, galera, continuando meus posts usando o meu trabalho das catedrais, hoje quero lhes mostrar a Catedral de Santa Sofia, simplesmente deslumbrante, com uma arquitetura magnífica!! Espero que gostem! E para quem não viu, a primeira catedral, de Notre Dame, está nesse link aqui: Catedral de Notre Dame

Catedral de Santa Sofia

Essa catedral foi construída nos moldes da arquitetura bizantina, em Istambul, na Turquia.

Hagia_sofia_miniaturk_02824

ARQUITETURA BIZANTINA:

Como características gerais dessa arquitetura, pode-se citar: as linhas curvas; os mosaicos de vidro brilhante; os esmaltes, o entalhe em marfim, a ourivesaria e a prata usados para embelezar relicários; seu caráter cerimonial decorativo, com imponência e riqueza dos materiais e dos detalhes. Havia também a predominância de superfícies planas pelo seu desconhecimento de profundidade, perspectiva e volume, fazendo com que os ornamentos luxuosos e complicados ficassem mais evidentes. Entretanto, as características predominantes seriam a cúpula e a planta de eixo central ou planta de cruz grega, ou seja, com quatro braços iguais.

Istambul-049

HISTÓRIA:
Brevemente, sobre sua história, essa igreja inicialmente foi construída pelo império Bizantino para ser a catedral de Constantinopla (cerca de duzentos anos depois de sua criação, foi construída uma nova basílica no período do ouro do Império Bizantino), e assim foi usada desde sua criação até 1453, com exceção dos anos de 1204 a 1261, quando foi usada como uma igreja católica romana. Após isso foi usada como mesquita de 1453 e 1931 e depois de ser secularizada, se tornou um museu secular. Essas mudanças ocorreram pelas diversas entradas de outros povos e religiões oficiais.
Quando era uma catedral, havia uma grande quantidade de relíquias e uma iconóstase (parede divisória com ícones, separando a nave da Igreja do santuário) de 15 metros de altura, em prata.
Já quando se tornou uma mesquita, devido à religião Islâmica, os sinos, o altar, a iconóstase e os vasos sagrados foram removidos, e os mosaicos foram cobertos por emplastro, cedendo espaço para características da religião Islâmica, como mihrab, minbar e quatro minaretes.
E ao ser secularizada, e se tornar um museu, houve uma missão da UNESCO que definiu a realização de melhorias e retirada do emplastro de maneira gradativa, além da total restauração, limpeza e telhadura.
ARQUITETURA:
No seu interior, pode-se notar a presença de mármore e mosaicos, característica da arquitetura bizantina. Suas maiores colunas são feitas de granito, e podem alcançar até 19 ou 20 metros de altura, enquanto chega a 1,5 metros de diâmetro. Possui oito colunas coríntias, que foram pedidas pelo imperador e enviadas do Líbano. Colunas coríntias são, na sua maioria, colunas com o capitel mais rebuscado, 24 caneladuras e 11 módulos de altura.

joaquimnery.files.wordpress

Interior_of_Hagia_Sophia_(3)

Outro fato nessa catedral é a presença predominante de linhas curvas, uma característica da arte bizantina. Ela possui um grande domo ou cúpula, ou seja, uma abóbada hemisférica que possui uma grande força estrutural. Nesse caso, há uma cúpula grande, tendo, portanto sua base obtida paralela ao diâmetro da elipse, dando a sensação de um alcance maior da estrutura. Após sua restauração, o domo ficou com forma elíptica com raio variando de 31,24 e 30,86 metros.
Essa cúpula está situada sobre um plano quadrangular, o que exige que a estrutura apresente quatro arcos (semiesferas) para ocorrer essa transição do circular para o quadrado, chamados de conchas. Essas conchas irão transmitir as descargas da cúpula para maciços pilares.
Essa arquitetura pode ser diferenciada da romana pela presença de uma cúpula sem o tambor (grande arco circular sobre o qual se assenta a cúpula) diretamente sobre a base quadrada, mas usaram o sistema de pendentes (“triângulos” curvilíneos formados dos intervalos entre os arcos e que constituíam a base sobre a qual era colocado o tambor), como já explicado acima, com a possibilidade de melhor transição.

20120421-055[3]

Somado a isso, a planta de eixo central contribuiu para uma sustentação da estrutura da cúpula, que tinha o peso e a força divididos igualmente, o que exigia que esses elementos de sustentação também fossem distribuídos de forma igual, o que se torna possível com essa planta.

wikimedia

Ao separar as várias naves, pode-se observar ainda a presença de filtros semitransparentes produzidos por pilares e arcos.
Sua nave é coberta por esse domo central, já citado, sobre uma arcada de 40 janelas arqueadas, como pode ser visto na imagem anterior. Para conseguir a sustentação necessária e um vasto interior de forma oblonga, foi usada uma hierarquia de estruturas com arcos, como aberturas em forma de arco ampliadas com semidomos de diâmetro igual ao central, suportados por êxedras, em forma de semidomos. Por isso, apesar de todos os arcos serem romanos, com a presença de um raio constante, o que faria com que suportasse menos peso, com exceção do domo central, que após sua restauração ganhou forma mais oval, há a possibilidade de um grande vão livre, como pode ser visto na foto a seguir.

images.fineartamerica

httpwww.enjoyourholiday.com

No seu interior, pode-se observar mármore policromáticos, verdes e brancos com pórfiro (rocha) púrpuros, além de mosaicos dourados. Já o seu exterior, é revestido de estuque (argamassa) pintado de amarelo e vermelho nas restaurações do século XIX.
Outro elemento arquitetônico que essa igreja possui são os mosaicos que ao longo da sua construção e reformas, foram incrementando sua arquitetura. Os mosaicos mais frequentes são os da Virgem Maria, de Jesus, dos santos além de imperadores e imperatrizes, e padrões geométricos.
Muitos desses mosaicos sofreram ação do tempo e estão bem degradados, outros, foram cobertos com emplasto, quando os Islâmicos passaram a usar essa igreja, e outros foram saqueados e levados para Veneza. Apesar de esses mosaicos terem sido documentados pelos arquitetos Fossati, durante uma das reformas realizadas, para preservação dos detalhes, foram novamente pintadas após isso. Grande parte foi destruída no terremoto de 1894, e agora, estão lá preservadas quatro dessas imagens, sendo restaurações ou recriações dos padrões de mosaicos danificados, usando tinta.

Istambul-083

Istambul-087

Além disso, há indícios de um mosaico de Jesus Pantocrator, que estaria localizado no domo da igreja, em cima de um local conhecido como “Porta dos pobres” onde haveria uma grande imagem de uma cruz cravejada de joias e muitas imagens de santos, anjos, patriarcas e padres da Igreja. Os Fossati acrescentaram um minbar (púlpito) e quatro grandes medalhões nas paredes da nave com os nomes de Maomé e dos primeiros califas do Islã.
Há ainda 4 minaretes construídos com tijolos vermelhos ou calcário branco ou arenito. Esses são construções que fazem parte da cultura islâmica, sendo os locais da onde o almuadem faz as cinco chamadas às orações diárias.
Quanto à luz desse local, há diversas janelas que, dependendo do horário do dia, trará um ponto de destaque, ou ao entrecruzar-se em diferentes alturas, passam ao longo das paredes e sobre as lajes do pavimento. E nesse encaixe de feixes luminosos, vê-se movimento e mobilidade, criando um efeito irreal de visão. Ou seja, há a projeção de um ideal em algo material: a luz.

santasofia8

FONTES
http://www.beatrix.pro.br/index.php/a-arte-bizantina-arquitetura/
http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/constantinopla/arquitetura-bizantina.php
http://www.hagiasophia.com/
http://pt.wikipedia.org/wiki/Santa_Sofia
http://cadernoaquariano.blogspot.com.br/
http://www.britannica.com/
http://www.enjoyourholiday.com/
http://www.historvius.com/
http://www.joaquimnery.files.wordpress.com
http://www.topazio1950.blogs.sapo.pt

Conhecimentos adquiridos na aula do professor Xicão Furlan

Para deixar sua casa mais verde e com estilo!

E a inspiração de hoje vai para… A jardinagem, um dos temas mais interessantes dentro desse mundo arquitetônico, decorativo e funcional!

Acho que o jardim é uma importante parte da casa pois é aonde pode ser encontrada a natureza mesmo se a casa se encontra em cidades de profundo caos urbano.

A jardinagem vem então para dar ideias de como inovar e deixar seu jardim da sua cara!

Aqui estão algumas inspirações para vocês trazerem mais natureza, ar puro, vida e verde para a sua casa! Continuar lendo “Para deixar sua casa mais verde e com estilo!”

Catedral de Notre Dame

Nessa semana eu fiz um trabalho para a escola sobre catedrais góticas, e particularmente me encantei pela Catedral de Notre Dame, que além de linda, tem elementos arquitetônicos que superam muitos projetos de arquitetos atuais! Bom, espero que vocês, assim como eu, gostem! Tentei deixar em uma linguagem clara para que seja mais fácil de ler, depois me digam o que acharam!

Situada na Praça Parvis, na pequena ilha Île de la Cité em Paris, França, rodeada pelas águas do Rio Sena. Continuar lendo “Catedral de Notre Dame”