Catedral de Santa Sofia! Deslumbrante…

Bom, galera, continuando meus posts usando o meu trabalho das catedrais, hoje quero lhes mostrar a Catedral de Santa Sofia, simplesmente deslumbrante, com uma arquitetura magnífica!! Espero que gostem! E para quem não viu, a primeira catedral, de Notre Dame, está nesse link aqui: Catedral de Notre Dame

Catedral de Santa Sofia

Essa catedral foi construída nos moldes da arquitetura bizantina, em Istambul, na Turquia.

Hagia_sofia_miniaturk_02824

ARQUITETURA BIZANTINA:

Como características gerais dessa arquitetura, pode-se citar: as linhas curvas; os mosaicos de vidro brilhante; os esmaltes, o entalhe em marfim, a ourivesaria e a prata usados para embelezar relicários; seu caráter cerimonial decorativo, com imponência e riqueza dos materiais e dos detalhes. Havia também a predominância de superfícies planas pelo seu desconhecimento de profundidade, perspectiva e volume, fazendo com que os ornamentos luxuosos e complicados ficassem mais evidentes. Entretanto, as características predominantes seriam a cúpula e a planta de eixo central ou planta de cruz grega, ou seja, com quatro braços iguais.

Istambul-049

HISTÓRIA:
Brevemente, sobre sua história, essa igreja inicialmente foi construída pelo império Bizantino para ser a catedral de Constantinopla (cerca de duzentos anos depois de sua criação, foi construída uma nova basílica no período do ouro do Império Bizantino), e assim foi usada desde sua criação até 1453, com exceção dos anos de 1204 a 1261, quando foi usada como uma igreja católica romana. Após isso foi usada como mesquita de 1453 e 1931 e depois de ser secularizada, se tornou um museu secular. Essas mudanças ocorreram pelas diversas entradas de outros povos e religiões oficiais.
Quando era uma catedral, havia uma grande quantidade de relíquias e uma iconóstase (parede divisória com ícones, separando a nave da Igreja do santuário) de 15 metros de altura, em prata.
Já quando se tornou uma mesquita, devido à religião Islâmica, os sinos, o altar, a iconóstase e os vasos sagrados foram removidos, e os mosaicos foram cobertos por emplastro, cedendo espaço para características da religião Islâmica, como mihrab, minbar e quatro minaretes.
E ao ser secularizada, e se tornar um museu, houve uma missão da UNESCO que definiu a realização de melhorias e retirada do emplastro de maneira gradativa, além da total restauração, limpeza e telhadura.
ARQUITETURA:
No seu interior, pode-se notar a presença de mármore e mosaicos, característica da arquitetura bizantina. Suas maiores colunas são feitas de granito, e podem alcançar até 19 ou 20 metros de altura, enquanto chega a 1,5 metros de diâmetro. Possui oito colunas coríntias, que foram pedidas pelo imperador e enviadas do Líbano. Colunas coríntias são, na sua maioria, colunas com o capitel mais rebuscado, 24 caneladuras e 11 módulos de altura.

joaquimnery.files.wordpress

Interior_of_Hagia_Sophia_(3)

Outro fato nessa catedral é a presença predominante de linhas curvas, uma característica da arte bizantina. Ela possui um grande domo ou cúpula, ou seja, uma abóbada hemisférica que possui uma grande força estrutural. Nesse caso, há uma cúpula grande, tendo, portanto sua base obtida paralela ao diâmetro da elipse, dando a sensação de um alcance maior da estrutura. Após sua restauração, o domo ficou com forma elíptica com raio variando de 31,24 e 30,86 metros.
Essa cúpula está situada sobre um plano quadrangular, o que exige que a estrutura apresente quatro arcos (semiesferas) para ocorrer essa transição do circular para o quadrado, chamados de conchas. Essas conchas irão transmitir as descargas da cúpula para maciços pilares.
Essa arquitetura pode ser diferenciada da romana pela presença de uma cúpula sem o tambor (grande arco circular sobre o qual se assenta a cúpula) diretamente sobre a base quadrada, mas usaram o sistema de pendentes (“triângulos” curvilíneos formados dos intervalos entre os arcos e que constituíam a base sobre a qual era colocado o tambor), como já explicado acima, com a possibilidade de melhor transição.

20120421-055[3]

Somado a isso, a planta de eixo central contribuiu para uma sustentação da estrutura da cúpula, que tinha o peso e a força divididos igualmente, o que exigia que esses elementos de sustentação também fossem distribuídos de forma igual, o que se torna possível com essa planta.

wikimedia

Ao separar as várias naves, pode-se observar ainda a presença de filtros semitransparentes produzidos por pilares e arcos.
Sua nave é coberta por esse domo central, já citado, sobre uma arcada de 40 janelas arqueadas, como pode ser visto na imagem anterior. Para conseguir a sustentação necessária e um vasto interior de forma oblonga, foi usada uma hierarquia de estruturas com arcos, como aberturas em forma de arco ampliadas com semidomos de diâmetro igual ao central, suportados por êxedras, em forma de semidomos. Por isso, apesar de todos os arcos serem romanos, com a presença de um raio constante, o que faria com que suportasse menos peso, com exceção do domo central, que após sua restauração ganhou forma mais oval, há a possibilidade de um grande vão livre, como pode ser visto na foto a seguir.

images.fineartamerica

httpwww.enjoyourholiday.com

No seu interior, pode-se observar mármore policromáticos, verdes e brancos com pórfiro (rocha) púrpuros, além de mosaicos dourados. Já o seu exterior, é revestido de estuque (argamassa) pintado de amarelo e vermelho nas restaurações do século XIX.
Outro elemento arquitetônico que essa igreja possui são os mosaicos que ao longo da sua construção e reformas, foram incrementando sua arquitetura. Os mosaicos mais frequentes são os da Virgem Maria, de Jesus, dos santos além de imperadores e imperatrizes, e padrões geométricos.
Muitos desses mosaicos sofreram ação do tempo e estão bem degradados, outros, foram cobertos com emplasto, quando os Islâmicos passaram a usar essa igreja, e outros foram saqueados e levados para Veneza. Apesar de esses mosaicos terem sido documentados pelos arquitetos Fossati, durante uma das reformas realizadas, para preservação dos detalhes, foram novamente pintadas após isso. Grande parte foi destruída no terremoto de 1894, e agora, estão lá preservadas quatro dessas imagens, sendo restaurações ou recriações dos padrões de mosaicos danificados, usando tinta.

Istambul-083

Istambul-087

Além disso, há indícios de um mosaico de Jesus Pantocrator, que estaria localizado no domo da igreja, em cima de um local conhecido como “Porta dos pobres” onde haveria uma grande imagem de uma cruz cravejada de joias e muitas imagens de santos, anjos, patriarcas e padres da Igreja. Os Fossati acrescentaram um minbar (púlpito) e quatro grandes medalhões nas paredes da nave com os nomes de Maomé e dos primeiros califas do Islã.
Há ainda 4 minaretes construídos com tijolos vermelhos ou calcário branco ou arenito. Esses são construções que fazem parte da cultura islâmica, sendo os locais da onde o almuadem faz as cinco chamadas às orações diárias.
Quanto à luz desse local, há diversas janelas que, dependendo do horário do dia, trará um ponto de destaque, ou ao entrecruzar-se em diferentes alturas, passam ao longo das paredes e sobre as lajes do pavimento. E nesse encaixe de feixes luminosos, vê-se movimento e mobilidade, criando um efeito irreal de visão. Ou seja, há a projeção de um ideal em algo material: a luz.

santasofia8

FONTES
http://www.beatrix.pro.br/index.php/a-arte-bizantina-arquitetura/
http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/constantinopla/arquitetura-bizantina.php
http://www.hagiasophia.com/
http://pt.wikipedia.org/wiki/Santa_Sofia
http://cadernoaquariano.blogspot.com.br/
http://www.britannica.com/
http://www.enjoyourholiday.com/
http://www.historvius.com/
http://www.joaquimnery.files.wordpress.com
http://www.topazio1950.blogs.sapo.pt

Conhecimentos adquiridos na aula do professor Xicão Furlan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s